Publicado em 1, junho 2016

Tratamento indolor e de baixo custo tem eficiência comprovada na cura de doenças que atingem PETS e equinos

Inúmeras doenças como cinomose, lesões tendíneas ou ósseas e complicações renais, já foram comprovadamente curadas pelo tratamento com células-tronco. Porto Alegre é a segunda capital brasileira a ter um banco de células-tronco, possibilitando o tratamento de inúmeros animais de todo o país…

Muitos donos de animais desconhecem o tratamento com as células-tronco, que além de inovador tem baixo custo e altos índices de êxito depois de aplicadas as primeiras doses. Segundo Nance Nardi, bióloga, doutora em imunologia e diretora científica da CellVet Medicina Veterinária Regenerativa, o tratamento celular pode resultar na cura integral do paciente, permitindo não apenas o alívio da dor, mas a volta da alegria de viver do animal. “Em seis anos de atuação, já atendemos mais de 300 animais e destes, cerca de 80% apresentaram melhoras”, diz Nance.

A medicina veterinária regenerativa, que está capacitada no tratamento de lesões e outras doenças, mostra-se cada vez mais avançada e hoje oferece tratamentos eficazes para doenças que antes deixavam sequelas ou podiam levar à morte os animais afetados. A terapia com células-tronco aproveita a capacidade do próprio corpo de regenerar-se de maneira saudável e natural.

As células-tronco adultas encontram-se em todos os animais e podem ser utilizadas para manter e reparar o tecido danificado. Retiradas principalmente do tecido adiposo do animal, as células-tronco tem forte capacidade de regeneração e qualquer bicho é apto a recebe-las, contanto que retiradas de um animais da mesma espécie. As aplicações são feitas por doses, a primeira custa R$ 700,00 e as seguintes, se necessárias, custam R$ 450,00. A grande maioria dos animais já apresentam melhora considerável com a primeira dose.

Porto Alegre é a segunda capital do Brasil a contar com um banco de células-tronco para tratamento celular de animais, operante desde 2010.  A estimativa é que o tratamento com células-tronco já tenha curado mais de 20 mil animais em todo o mundo e a perspectiva é de que esse número siga crescendo. Para Nance Nardi, o conhecimento acerca desta opção de medicina é a grande chave para ampliar cada vez mais a procura pelo tratamento celular entre os donos de animais. “Acredito na popularização do tratamento com células-tronco. Quanto mais as pessoas se informam acerca do resultado e dos efeitos a curto prazo, mais se interessam e consideram a terapia celular como primeira opção de cura para seus animais”, aponta Nance.

A CellVet trata e fornece células-tronco para uso de veterinários credenciados. Na sede, em Porto Alegre, mantém um banco de células-tronco, congeladas para uso em diferentes enfermidades. A empresa também oferece cursos para profissionais que desejam utilizar a terapia celular para tratar os pacientes, principalmente cães, gatos e equinos.

Apoio

Rua da Várzea, 22 - Jardim São Pedro
Porto Alegre - RS
(51) 3109-5223